Na palma do seu amor


Olhos que curam um orgulho

Cabelos que minha mão corre

E os meus dedos os beijam.

Jeito meigo de beijar

Estremece a face

Remete ao coração a emoção

De amar

Guardar no peito

Sinto, vejo, creio

Em amar

Tudo que você me dá

Não sei falar…

Que quando você me abraça

Uma graça desponta do infinito

Uma certeza que a realeza

Sempre me envolveu

Seu sorriso, suas lágrimas

E você avança, amando

Um sonho composto de tantas cores

Nos leva para uma terra

Tão longe, que a volta espalha entre nós,

Como o sol se espalha no mundo,

Uma esperança

Vejo minha mão não mais nos teus cabelos

Mas fechada na palma do teu amor


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo